Atos 29 Noticias
Atos 29 Noticias
Por onde andam os seus pensamentos?
Atos 29 Noticias


Se tem algo que desafia o ser humano atualmente é manter a atenção em uma única tarefa ou em uma conversa. Se for algo relacionado ao que faz cotidianamente, é certo que, na maioria das vezes, o indivíduo entra no “piloto automático” e os pensamentos voam longe. O resultado disso são dúvidas como, por exemplo, será que tranquei a porta? Onde coloquei a chave do carro? Desliguei o fogo antes de sair? Vários fatores podem levar à falta de atenção, inclusive questões de saúde, mas podemos dizer que um dos motivos mais comuns é o esgotamento mental. Já reparou quantas tarefas precisam ser entregues no mesmo dia? Há uma elevada cobrança externa por resultados que é reforçada pela pressão que colocamos sobre nós mesmos. E, assim, nossa mente não para nem por um segundo. “O esgotamento mental pode ser causado pela sobrecarga de atividades e sua consequência é a falta de atenção. Ela acontece em razão das múltiplas tarefas que temos, por acreditarmos que todas podem ser realizadas no mesmo período de tempo em que duas seriam feitas e por alimentarmos a necessidade de dar conta de tudo. E chega um momento em que a mente e o corpo não suportam mais tudo isso”, afirma a psicóloga Joana d’Arc Sakai.

O apelo da tecnologia


Os avanços tecnológicos trouxeram inúmeras facilidades, mas também milhares de distrações, como as notificações, por exemplo. E a pergunta é: como se manter focado recebendo mensagens a todo o instante? “As redes sociais, de forma geral, geram uma multiplicidade de estímulos que deixam a pessoa esgotada. Ela se cobra para responder todas as mensagens sem ter condição física nem mental para isso”, comenta Joana. Uma pesquisa realizada no Canadá e publicada em 2015 mostrou que o tempo médio de atenção dispensada por nós a algo caiu com a popularização da internet. Em 2000, a média era de 12 segundos, mas, em 2015, passou para apenas oito segundos. O estudo ainda não foi atualizado, mas é possível ter uma ideia do prejuízo mental que isso gera.


Outro questionamento é: por que a tecnologia afeta tanto a nossa capacidade de atenção? Segundo o neurologista Willian Rezende, as telas em si não prejudicam a atenção, mas o conteúdo produzido atualmente para a internet e consumido em larga escala propicia que a pessoa não exercite a atenção. “Hoje, os conteúdos estão cada vez mais curtos, como vídeos de apenas poucos segundos e ainda há possibilidade de acelerá-lo. Então, a atenção é pouco exercitada. Para exercitar a atenção sustentada, a pessoa tem que contemplar conteúdos maiores”, diz.


fonte https://www.universal.org/noticias/post/por-onde-andam-os-seus-pensamentos/

× Fale com Apostolo Helio?